Ensino a distância – ferramentas de avaliação

2020-04-17

O ensino a distância ainda levanta alguns mitos e dúvidas. No webinar ficou claro quais os sentimentos e expectativas dos professores. Saiba mais sobre os problemas que a avaliação ainda representa.

Intervenientes da FCT/FCCN e Professores de Universidades Portuguesas e Espanholas

O Webinar da Metared realizado no dia 15 de Abril de 2020 reuniu vários intervenientes. Com o título "O ensino a distância no Ensino Superior face ao COVID-19", mostrou que uma das problemáticas dos professores é a avaliação em ambiente online (e-learning). As incertezas e preocupações intensificaram com a chegada da pandemia a Portugal e com o adiamento de um regresso normal às salas de aula.

Entre os vários convidados, a NAU – Ensino e Formação a Distância para Grandes Audiências, esteve presente com Rui Ribeiro que expôs a temática do e-assessment (avaliação online). Apresentou serviços já existentes como o SMOWL, ProctorU, etc., que através da implementação de uma rede de proctoring, recorre a ferramentas de software existente em salas preparadas para vigiar o estudante, monitorização via controlo por câmara ou através de programas que controlam o browser (controlo de aplicação).

Num formulário partilhado entre os participantes com o objetivo de compreender os desafios que os professores enfrentam, os resultados mostraram-se bastante pertinentes.

A questão da avaliação não se limita a uma resolução temporária, mas para ser explorada a longo termo, como é apresentado no gráfico.

No que concerne a avaliações efetuadas o cenário é preocupante porque segundo os dados estatísticos, são muitas as instituições de ensino que fizeram poucas experiências ou nenhuma nos últimos 3 anos.

Por outro lado, nesta nova prática educativa os dados mostram que também é preciso ser trabalhada de modo a que as entidades tenham um modelo de sustentabilidade nas suas instituições.

Por fim os dados revelam-nos a preferência, ainda que mínima, pelo Controlo de Aplicação (browser) para poderem avaliar os estudantes a distância.

Estes dados não têm fiabilidade estatísticas. Reflectem apenas o "sentimento" de um grupo de pessoas que decidiu responder. No entanto, aponta-nos numa direcção que devemos ter em conta para que possamos melhorar o ensino a distância em Portugal, mas também a avaliação que ainda depende muito dos testes presenciais.

O Webinar está disponível para visualização no canal do YOUTUBE da Metared. Pode assistir aqui.